Disco da Semana – A refinada bossa de Bebeto Castilho

Bebeto Castilho começou sua carreira como músico ainda em meados da década de 1950, acompanhando brevemente o compositor e arranjador Ed Lincoln. Em seguida, em 1957, foi o baixista da banda de Maysa, ao lado do pianista Luiz Eça e do baterista Hélcio Milito. Logo mais, estes seriam seus parceiros também na fundação do influente conjunto de jazz e bossa-nova Tamba Trio, que se tornaria uma das bandas mais importantes da época, introduzindo um ar contemporâneo à música brasileira desde seu LP de estreia, de mesmo nome, lançado em 1962. Além do Tamba, Bebeto ainda tem no currículo participações em discos como Milton Nascimento (1967), Quem é Quem, de João Donato (1973), João Bosco (1973), e Catedráticos, de Eumir Deodato (1973).

Ler mais

Na Parte Funda da Piscina #31 – O Som dos Blacks (1969-1977)

Um set recheado de pepitas sonoras garimpadas para te fazer sorrir, para te fazer dançar e para te fazer pensar e que conta um pouco em forma de músicas o que foi o Movimento Black Rio que nos anos 1970 trouxe uma visão preta sobre o mundo e sobre assuntos sociais, do coração e das festividades.

Ler mais