DCV MIXTAPE #9 – DJ Farbie MIX

DCV MIXTAPE é uma série especial onde uma pessoa convidada cria um set para nós do Disconversa. Não vamos intervir no processo e nem sugerir como é pra realizar a mix. Ou seja: é sem tema prévio e total liberdade criativa para quem estiver na missão de produzir o set. Sendo assim, vão ter mixs 100% autorais ou só com artistas que fazem a cabeça e os ouvidos de quem a produziu, e ainda uns que misturem isso tudo. Fica a critério totalmente de quem está na produção.

Quem está pilotando as carrapetas e puxando o bonde sonoro de hoje é a DJ Farbie que fez sua estreia como dj & botadora de som quase que simultaneamente com a sua primeira colaboração conosco (que você pode ouvir aqui) e sobre isso ela comenta: “comecei a tocar há pouco mais de 2 anos, com um empurrãozinho do padrinho (tranzimbah), e desde então tenho tentado afinar meus ouvidos e meus sets com muita pesquisa, principalmente no SoundCloud, e correndo atrás de artistas independentes brasileiros também, como Tasha & Tracie, SD9 e Big Bllakk.”

A influência inclusive dessas sonoridades eletrônicas dançantes, as famosas “porradas secas” como é popularmente conhecido esse característico som pra pista de dança, em seus sets é uma marca da DJ. Mas nessa mixtape Farbie nos apresenta um outro lado “esse set é um passeio por vários sons que tenho escutado muito ultimamente, e a vibe é chillzada na praia com o latão na mão. Maluquice dançante que vai de Doja Cat até Sister Nancy, passando por MF DOOM, Big Bllakk e OSHUN.” Eu já ouvi a seleção e afirmo: impossível ficar parado e não se surpreender com as ligações musicais que a dj vai costurando e nos guiando pela pista de dança, apresentando-nos a esse mundo musical inesperado, surpreendente & incrivelmente conexo com tudo que está rolando. Ela nos conta uma história com começo, meio e fim.

Habitue dos rolés alternativos de djs em ascensão de Tel Aviv, Farbie projeta seus próximos passos “sou do Rio mas moro em Tel Aviv desde 2019, e o plano pra esse ano é trazer uma festa de música BOA e com muito som brasileiro pra cá.” Um ano depois da sua estreia aqui no DCV MXITAPE eu falei “Guarde esse nome, pois logo mais ou logo menos ouviremos falar dela.” E isso é sério.

Arraste o sofá da sala, aumenta o som, pega o copão de biricutico e se jogue. Fé!

Siga e acompanhe Farbie no seu Soundcloud e Instagram.

Últimos posts por William de Abreu (exibir todos)

William de Abreu

William “Tranzimbah” de Abreu tem 29 anos, é comunicólogo e DJ.⠀ Will é o cara que manja tudo de Black Music, um dicionário ambulante de quem sampleou quem nesse mundão sem fronteira. As misturas de música brasileira com rap e hip-hop são seus xodós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *